Quem está se aventurando no mundo dos investimentos certamente já se perguntou o que é Tesouro Direto. Responsável pela popularização dos investimentos financeiros no Brasil, esse programa do Tesouro Nacional é uma porta de entrada para quem está começando a aplicar seu capital.

Por isso, continue a leitura para entender o que é Tesouro Direto e conhecer suas principais vantagens!

 

 

O que é o Tesouro Direto?

 

Você sabe o que é Tesouro Direto? Esse é um programa do Tesouro Nacional que foi desenvolvido com a BM&F Bovespa para que títulos públicos federais pudessem ser vendidos para pessoas físicas, de um jeito fácil e pela internet.

Esse programa surgiu em 2002, democratizando o acesso de qualquer investidor aos títulos públicos. Com apenas R$ 30,00, você já pode investir no Tesouro Direto, que é considerado a porta de entrada para o mundo dos investimentos.

 

 

Vantagens do Tesouro Direto

 

 

Segurança

 

Cada pessoa tem o seu perfil de investidor. Para os mais conservadores, que querem garantir uma boa rentabilidade e ter segurança ao mesmo tempo, o Tesouro Direto é uma excelente opção de investimento.

Como se trata de um título público, grupo que abriga os investimentos de menor risco da economia, o Tesouro Direto é muito seguro. Ele também é 100% garantido pelo Tesouro Nacional.

 

Boa rentabilidade

 

 

Entenda o que é Tesouro Direto

Quem busca saber o que é tesouro direto certamente já ouviu falar de sua rentabilidade atrativa.

 

 

A rentabilidade é um destaque para quem está buscando saber o que é Tesouro Direto. Ela é essencial quando o assunto é investimento. Historicamente falando, o Tesouro Direto apresenta retornos positivos em relação a outras opções como a poupança.

Enquanto a caderneta de poupança rendeu 6,93% em 2017, o menor índice dos últimos 11 anos, alguns títulos do Tesouro Direto chegaram a render 19,13%. Foi o caso do Tesouro Prefixado 2023 (LTN), com vencimento para 01/01/2023.

Títulos atrelados à taxa de inflação, por exemplo, pagam juros fixos de aproximadamente 6% ao ano mais a variação do Índice de Preços ao Consumidor Amplo — protegendo você do aumento dos preços.

 

 

Variedade

É possível montar uma carteira flexível de investimentos por meio do Tesouro Direto, de acordo com os seus objetivos financeiros. Esses títulos podem variar de acordo com a taxa de rentabilidade, os prazos de vencimento e os fluxos de pagamento.

No caso da taxa de rentabilidade, há títulos do Tesouro Direto que são indexados à Selic ou à inflação. Diante do cenário econômico, você escolhe aquele que oferece a maior rentabilidade.

Os títulos também têm variadas datas de vencimento, permitindo escolher a melhor para o resgate do dinheiro. Também é possível optar pelos títulos que pagam juros somente na data de vencimento ou semestralmente.

 

 

Liquidez

 

Quando pensamos no que é Tesouro Direto constantemente o associamos a algo seguro, pois sua liquidez permite a venda dos títulos antes do vencimento, a qualquer momento. Isso ocorre porque a compra é garantida pelo Tesouro Nacional.

O próprio governo compra seus títulos de volta no instante em que desejar vendê-los. Contudo, vale destacar que esse processo acontece, em dias úteis, a partir das 18h e vai até 5h da manhã do dia seguinte. Aos fins de semana e feriados, a recompra ocorre durante o dia inteiro.

Outro ponto importante é que o valor pago pela venda antecipada é equivalente ao preço de mercado, que costuma ser um pouco abaixo no Tesouro Selic. No Tesouro Prefixado, o valor pode ser muito abaixo ou bastante acima.

 

Custos baixos

 

Comparado com outras opções de investimento, os custos dos títulos do Tesouro Direto são mais baixos — principalmente em relação aos fundos de investimento e planos de previdência.

Enquanto os fundos de investimento cobram taxas de administração em torno de 0,5% até 4% do valor investido ao ano, o Tesouro Direto limita isso a 0,3%. No caso de quem opta por uma corretora, também tem a taxa dela.

 

Boa acessibilidade

 

A Easynvest é a segunda maior corretora independente do Brasil. Ela ajuda você a entender o que é Tesouro Direto e investir nele, por meio de uma plataforma on-line que é muito fácil de entender e gerenciar.

Basta abrir sua conta, algo que não tem custos e burocracias. Defina seu perfil como investidor para saber quais investimentos combinam mais com você. Algumas perguntas são feitas pela plataforma. Tudo muito rápido e prático.

Depois é só escolher aqueles que oferecem segurança e bom rendimento, como o Tesouro Direto.

 

Tributação simplificada

 

A tributação do Tesouro Direto é do tipo simplificada. O Imposto de Renda dele é cobrado somente no vencimento do título, em caso de venda antecipada ou quando você recebe os juros semestralmente.

A alíquota do Imposto de Renda para o Tesouro Direto é regressiva. Quanto mais tempo você investe nele, menos paga. Até 180 dias, por exemplo, a porcentagem é de 22,5%. Acima de 720 dias, são 15%.

Destacamos que o imposto incide apenas sobre os lucros do investimento, sendo retido diretamente na fonte. Dessa forma, facilita sua organização financeira e evita problemas.

Agora que você sabe o que é Tesouro Direto, chegou a hora de investir nele. Conheça a plataforma Easynvest e abra a sua conta. Você encontra em nosso site uma tabela com todos os valores cobrados para você administrar seus investimentos conosco.