Já pensou em começar a investir para aumentar seu patrimônio, mas leu ou ouviu algo sobre a Bolsa de Valores que te desmotivou? 

É comum a disseminação de informações falsas sobre a Bolsa de Valores. Com certeza, você já ouviu coisas do tipo “investimento é só para quem tem muito dinheiro” ou “só especialistas investem em Ações”. E acreditar nesses discursos está te fazendo perder dinheiro.

Para perder o medo e começar a investir, no post de hoje você vai conhecer os mitos e verdades mais famosos sobre a Bolsa de Valores.

Aqui você encontrará:

  • Bolsa de Valores
  • Mitos da Bolsa
  • Verdades da Bolsa 
  • Vale a pena investir na Bolsa de Valores?

Bolsa de Valores caiu ou subiu? O que significa

Ao pensar na Bolsa de Valores, também conhecida como B3 (Brasil Bolsa Balcão), é comum lembrar de algumas frases e termos. Entre elas “a Bolsa despencou”, “o crash de 29”, “o Ibovespa disparou” bem como “a Bolsa é uma aposta”.

Afinal, a Bolsa de Valores é o lugar onde é feita a negociação de compra e venda de ativos financeiros. Mas em qualquer transação em que uma Ação é negociada, ocorre a intermediação das corretoras de valores.

Se quiser saber mais sobre a história e vantagens da Bolsa antes de conhecer os mitos e verdades, clique aqui.

Mas, com tantas afirmações, o que o investidor que pretende iniciar no mundo da Renda Variável deve levar em conta? Afinal, investir em Ações é realmente um jogo de sorte (ou azar)?

Se você nunca investiu antes, é normal ter receio. No entanto, começar a investir não é um bicho de sete cabeças. Em outras palavras, é bem mais simples do que parece.

Diante de tantas lendas sobre o mercado financeiro, separamos os mitos e verdades para que você entre de vez nesse mercado. E, assim, tenha um rendimento acima da Renda Fixa tradicional. Confira abaixo:

Mitos da Bolsa de Valores

Só consigo investir na Bolsa de Valores com muito dinheiro

Ainda está parado no tempo e acredita que somente pessoas ricas podem investir? Este é um dos maiores mitos do mercado financeiro, pois com uma quantia baixa já é possível aplicar.

Não existe um valor mínimo para investir em Ações negociadas na Bolsa. O valor investido depende do tipo de Ação e da quantidade. Ou seja, qualquer pessoa pode começar a investir. 

É fato que não precisa ser rico para entrar no mercado de Ações. De início, o investidor pode comprar, por exemplo, 1 lote com 100 Ações. Portanto, o valor irá depender da cotação da Ação naquele momento.

Se a Ação estiver valendo R$10, seria necessário apenas R$ 1.000 para fazer a operação.

Por outro lado, há outras empresas que são negociadas a um valor maior e o investimento pode ficar mais caro. Mas, nesses casos, o investidor pode usar um outro mercado: o fracionário. Nele é possível comprar entre 1 e 99 Ações.

É necessário acompanhar o mercado diariamente 

Mito! Acompanhar o mercado diariamente é só para aqueles investidores que operam no curto prazo e precisam saber todos os movimentos do mercado. Se seu objetivo é de longo prazo e você acredita na saúde financeira daquela empresa, de nada irá adiantar se assustar com alguma queda no preço das Ações. Afinal, seu objetivo de longo prazo continuará o mesmo.

Ou seja, você deve sempre estar atualizado, mas não precisa acompanhar todas as mudanças diárias.

Apenas especialistas podem investir

Mito! Não é necessário ser um especialista ou expert em investimentos para começar a investir na Bolsa. Basta se informar e estar atento ao mercado. Além disso, pesquise sobre os ativos e empresas que deseja colocar o seu dinheiro.

Se você é iniciante, lembre-se de focar no longo prazo. Assim evita se frustrar.

Para começar, você pode consultar os nossos canais de educação da Easy, É tudo sem economês, descomplicado e simples para aprender e tirar suas dúvidas antes de tomar decisões. Todo o conteúdo fica disponível gratuitamente. São centenas de opções em nosso Instagram e YouTube.

A Bolsa é como um jogo 

Acha que a Bolsa funciona como um daqueles cassinos de sorte que vemos em filmes? Ou como uma loteria? Pois saiba que a Bolsa não é um jogo de sorte e nem de azar. Este é o maior mito de todos!

Nenhum investimento na Bolsa é baseado na sorte. Antes de fazer qualquer aplicação, é necessário estudar a empresa e o setor em que ela está inserida. Além disso, por trás dos investimentos existem análises que podem identificar oportunidades e te ajudar a aplicar melhor o seu dinheiro. Por exemplo a análise técnica, que usa gráficos, a tradicional análise fundamentalista ou o Factor Investing.

Para saber mais, assista o vídeo abaixo.

O ativo que você quer investir está apresentando bons resultados financeiros? Questione-se sempre e não acredite no mito de que a Bolsa é um jogo de sorte ou azar.

Vou ficar rico em um piscar de olhos!

Mito! É possível sim aumentar seu patrimônio e ganhar muito dinheiro investindo. Mas lembre-se que tal fato não acontece de uma hora para outra.

Afinal, investir não é um jogo de apostas. Exige estudo, análise, planejamento, diversificação e também paciência para colher os resultados no longo prazo.

Só posso investir se o mercado estiver em alta

Acha que é impossível ganhar dinheiro com a bolsa em queda? Mito!

Algumas das melhores oportunidades de investimentos na Bolsa ocorrem quando o mercado está registrando baixa e assim torna-se possível comprar aquelas Ações que estão desvalorizadas e logo depois entram em tendência de valorização.

Você pode até mesmo aproveitar para vendê-las quando estiverem valorizadas, e com isso, conseguir ótimos rendimentos para seu bolso. Então se ouvir que o mercado está em “baixa” ou “queda” não precisa se desesperar!

Mas não esqueça de avaliar o cenário e estudar sobre a aplicação e a empresa antes. 

Verdades da Bolsa de Valores

Preciso aceitar mais riscos para investir na Bolsa

Verdade! Assim como qualquer investimento, as Ações também possuem grau de risco. E isso faz parte do mercado de capitais.

Diferentemente do mercado de Renda Fixa, ao investir em Ações sua aplicação pode ter ganho ilimitado, mas ao mesmo tempo você pode perder dinheiro. Por isso, é importante estudar as empresas que você deseja investir e se preparar caso aconteça alguma oscilação no preço delas.

Mas calma, não entre em desespero. Se não estiver preparado para investir em Ações, conheça outras opções de investimentos que são mais seguras.

Para isso você deve investir com base no seu perfil de investidor, e saber até onde está disposto a correr risco. Confira quais são:

Conservador

O investidor conservador possui a segurança como referência para as suas aplicações, assumindo os menores riscos possíveis. Realizam investimentos sólidos e que buscam retorno em longo prazo.

Moderado

Para o investidor moderado, a segurança é importante, mas ele busca retornos maiores, aceitando, portanto, assumir algum risco. Além disso, preza pela busca de ganhos no médio e longo prazo, dando preferência aos produtos de Renda Fixa. 

Arrojado ou Experiente

O investidor experiente suporta riscos elevados na busca de resultados melhores. Ou seja, ele tem ciência que pode perder parte ou totalidade dos recursos investidos. E, mesmo assim, opta por investimentos arriscados para obter ganhos acima da média.

Saber o perfil é ideal para o investidor não se frustrar e colocar o dinheiro nos investimentos que mais fazem sentido aos objetivos. 

Ações são investimentos para longo prazo 

Também é uma verdade! As Ações estão entre os investimentos de Renda Variável. Portanto, elas podem sofrer com as oscilações do mercado. Mas, se você investir em empresas com boa saúde financeira, mesmo que ela sofra com algumas quedas, a tendência a longo prazo será de alta – justamente porque as empresas saudáveis tendem a crescer.

É necessário diversificar os investimentos

Verdade. Assim como nos investimentos em Renda Fixa, é importante que você diversifique suas aplicações. Como? Tendo Ações de diferentes setores e diferentes empresas, pois caso ocorra algum acontecimento no mercado, nem todas as suas Ações serão penalizadas.

Como diz aquela típica frase do mundo dos investimentos, “não coloque todos os ovos na mesma cesta”, pois se quebrarem, você não perderá todos.

Por isso é muito importante ter uma carteira diversificada para não perder rentabilidade, além de escolher outros tipos de investimentos e não ficar preso apenas às Ações.

E apesar da diversificação ser uma das recomendações para investir melhor, não precisa exagerar. Tudo em excesso pode ser negativo, ok?

É possível ter um lucro extra

Verdade! Já pensou em receber parte dos lucros das empresas da Bolsa? Sim, isso é possível com os chamados Dividendos. 

Quando você compra Ações de uma empresa na Bolsa de Valores, se torna sócio dessa companhia. Então, você passa a ter alguns direitos. Um deles é o recebimento dos Dividendos.

Eles são parte do lucro que as empresas distribuem para os acionistas. Ou seja, mais possibilidades de ganhos para você.

Para saber mais, assista:

Imposto de Renda

Quem tem Ações precisa declarar no Imposto de Renda? Sim, é verdade!

A cobrança ocorre em operações em que o valor ultrapassa R$ 20 mil no mês. No caso de operações como o Day-Trade, que consiste no ato de comprar e vender Ações no mesmo dia, em curto prazo, paga-se imposto independente do valor.

Aposentadoria garantida

É verdade que alguns investidores aplicam em ativos pensando no patrimônio futuro da aposentadoria? Sim, é verdade!

Investidores que buscam conforto na aposentadoria investem pensando no longo prazo e na rentabilidade futura. Mas, para isso, são traçados planos e metas em busca de cumprir o objetivo no tempo estimado e no futuro viver da renda da aposentadoria tradicional e também do dinheiro investido ao longo dos anos.

Se você está pensando no futuro, esse é um ótimo método!

Vale a pena investir na Bolsa de Valores?

Se você avaliou todos os mitos e verdades, ao chegar aqui percebeu que vale a pena sim investir na Bolsa de Valores. Afinal, aplicar seu dinheiro em investimentos é a melhor forma de aumentar seu patrimônio de maneira segura e fora da baixa rentabilidade da poupança.

Percebeu também que não existe fórmula secreta para conquistar seus objetivos futuros e fazer seu dinheiro render mais. É necessário ter paciência, considerar seu perfil de investidor, traçar metas e planos, estudar o mercado, além de considerar o longo prazo como aliado.

Agora que já sabe sobre os mitos e benefícios da Bolsa de Valores, comece já a investir! Mas se sente que antes precisa entender um pouquinho mais sobre o mundo dos investimentos, conheça os canais da Easy e tire todas as suas dúvidas.

Na Easynvest By Nubank nós descomplicamos o mundo dos investimentos para que você tenha autonomia e desperte o investidor dentro de você. Esqueça aquele papo de que alguns investimentos são difíceis ou que precisam de muito dinheiro.

Para começar na Bolsa de Valores, por exemplo, nós oferecemos uma plataforma fácil e prática para iniciantes, em que você investe em apenas 3 cliques.

São muitos benefícios: 
  • Playlists divididas por tipo de investimentos, preço médio de compra das Ações e ainda pode pesquisar empresas pelo nome e favoritar as que você quiser.
  • Recomendações de especialistas, além de acesso gratuito a carteiras recomendadas e análises mensais para investir da melhor maneira.
  • Segurança nas suas transações. 
  • Mais barato do mercado. Mesmo com as taxas normais da B3, investir em Renda Variável pela Easynvest garante o custo mais acessível, muito menor que o valor médio cobrado no mercado. 

Taxa Zero de corretagem para investir em Ações, BDRs e Opções, além de FIIs, ETFs, bem como todos os investimentos de Renda Fixa.

Veja também:
• 11 ações baratas da bolsa: vale investir ou é ‘furada’?

Abra já sua conta gratuita!